Menu

CGR entrega estudo sobre procedimentos de bolsas de pesquisa

2 de abril de 2018

Nesta segunda-feira, 2 de abril de 2018, em reunião com o Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-graduação, Prof. Dr. Francisco de Assis Mendonça, a CGR apresentou os produtos e ganhos obtidos no projeto que mapeou processos de bolsas de pesquisa da UFPR, dando início à gestão formal de riscos sobre esses processos.

Na ocasião, foram entregues ao Pró-Reitor os diagramas dos processos de bolsas CAPES para programas de pós-graduação stricto sensu, convênio com a Fundação Araucária, e bolsas com fonte do Tesouro Nacional (PIBIC, PIBITI e Programa Senior).

O projeto foi o primeiro dessa natureza concluído pela CGR, permitindo a adequada identificação e documentação dos processos de trabalho gerenciados pelas instâncias da UFPR e que entregam valor à sociedade direta e indiretamente, assim como a gestão de seus riscos e custos, favorecendo também ações de melhoria contínua dos mesmos.

Na apresentação, o Coordenador de Governança e Riscos, Aldemir Junglos, frizou os ganhos obtidos com ações tomadas em conjunto pela CGR e PRPPG durante a execução do projeto, como a assinatura eletrônica pela FUNPAR nos acordos firmados com a UFPR, trazendo agilidade e transparência aos processos; a adoção do SIGECOF pela equipe de Orçamento e Finanças da PRPPG, padronizando seus procedimentos de empenhamento, conforme as demais unidades da Universidade, de forma integrada aos demais sistemas de informação institucionais; a identificação, junto à Procuradoria Federal junto à UFPR, de assuntos tipicamente recorrentes em processos, que podem ser agilizados através da utilização de pareceres referenciais pelos procuradores; a apensação de processos ao processo original, no sistema SEI, facilitando a busca de informações e a rastreabilidade dos fatos.

Foi determinante para o sucesso do projeto o forte comprometimento e participação da equipe de orçamento e finanças da PRPPG, coordenada por Gerson Miguel Yasbeck, bem como o apoio recebido dos servidores Marcelo Matos e Renata Savoini, da Coordenação de Programas de Pós-Graduação – Stricto sensu.

O Prof. Francisco lembrou, ainda, sobre a maior segurança, obtida desde a implantação do sistema SEI, na identificação de quem montou cada processo, garantindo visualmente os atos e a segregação de funções nas atividades da PRPPG.

Atualmente, a CGR está desenvolvendo projetos de mapeamento de processos e riscos na PRAE, PROEC, PROGRAD e SUINFRA.



UFPR nas Redes Sociais

Universidade Federal do Paraná
Coordenadoria de Governança e Riscos da UFPR
Rua XV de Novembro, 1299 - Sobreloja | Fone: (41) 3360-5083
CEP 80060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil


©2020 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR